Mapa de Fintechs – Brasil (Out de 2017)

O mercado brasileiro de fintechs continua crescendo em ritmo acelerado. Nos últimos 12 meses, a quantidade de startups pulou de 219 para 309, um aumento de 41%. Este número é muito significativo, ainda mais se considerarmos que cerca de 30 fintechs encerraram suas atividades neste período. Se estas tivessem sobrevivido, estaríamos vendo um crescimento de 55% no segmento.
 
A maior parte delas continua no setor de Pagamentos. São 86 fintechs neste segmento, representando 28% deste mercado. Em seguida, vem as startups de Gestão Financeira Empresarial, seguindo a tendência global de fortalecimento do segmento b2b, bem menos atraentes que as b2c, porém em geral mais consistentes no longo prazo. Atualmente já são 58 nesta área, o que significa 19% do total. Logo atrás, vem o grupo das fintechs de Crédito, um segmento que continua crescendo e que tende a ganhar força com a nova regulamentação de p2p lending, do Bacen. São 38 startups ajudando a reduzir os spreads, redesenhando os motores de crédito e risco e melhorando a experiência do usuário.
 
Uma outra área que chama a atenção pelo crescimento é a de Identidade, que busca ajudar nos processos de know your client e prevenção à lavagem de dinheiro. Já são atualmente 21 startups neste segmento, seguindo também uma tendência global.
 
Segundo o Startse, em 2016 as fintechs brasileiras receberam U$161 milhões em investimentos, o que coloca o mercado brasileiro entre os 10 maiores do mundo em fintech.
 
Veja abaixo, o mapa completo das fintechs brasileiras.